RegrasPortalCalendárioFAQBuscarInícioRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 Casa de Chá Madame Puddifoot

Ir em baixo 
AutorMensagem
O Pomo de Ouro
Administrador
Administrador
avatar

Mensagens : 103
Estou em/ Moro em : Everywhere;

MensagemAssunto: Casa de Chá Madame Puddifoot   Sab 1 Fev - 21:49:06

Casa de Chá Madame Puddifoot



Uma pequena casa de chá de propriedade de Madame Puddifoot, situada numa rua lateral da rua principal de Hogsmeade. Com pequenas mesas circulares, ela tem toda uma decoração aconchegante. É freqüentada, em grande parte, por casais de alunos de Hogwarts.No Dia dos Namorados, é decorada especialmete, incluindo pequenos querubins dourados que jogam confetes rosas. Por seu clima romântico e o cheiro doce, este café tem a capacidade de manter unidos todos os tipos de casal..


Equipe Administrativa de Expresso Hogwarts RPG

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lindsey Wieg. Beavuorr
Lufa-Lufa
Lufa-Lufa


Mensagens : 148
Sangue : Puro
Idade : 19
Estou em/ Moro em : La La Land

Perfil Bruxo
Habilidade: Metamorfomago
Ano Escolar: 4º ano
Casa: Lufa-Lufa
MensagemAssunto: Re: Casa de Chá Madame Puddifoot   Seg 3 Fev - 17:13:06

A manha de sábado estava um pouco ensolarada, mas fria, muito fria. Lindsey caminhava entre as lojas de Hogsmeade observando a familiaridade que tem com o local, desde pequena a jovem caminhava por essas ruas grudada aos braços da mãe e ia para a dedosdemel comprar variedades de doces para se lambuzar. Hoje, a menina estava sozinha, precisava “esfriar” a cabeça, havia brigado com sua mãe, o que resultou algo não muito agradável, as duas não se falavam havia dois dias e as mesmas são orgulhosas demais e não querem ceder as desculpas.
Lindsey subiu o sobretudo até o seu nariz e procurou algum restaurante ou bar para se aconchegar, pensou em ir para os três vassouras, mas o local estava cheio, então foi para a Casa de chá da Madame Puddifoot, um local acochegante e apesar de estar ocupado por vários casais (como sempre acontecia) Lindsey decidiu ocupar uma mesa sozinha mesmo, precisava de um tempo para pensar nas coisas que havia dito a mãe e com todos aqueles casais ali ninguém se importaria com uma jovem na mesa do fundo.
Lind tirou o seu sobretudo e touca já que o local estava mais quente e pegou seu pequeno espelho que fica em sua bolsa, assustada com o seu cabelo um pouco bagunçado, Lindsey decide usar a sua habilidade, afinal, ninguém se estranharia com essa mudança, a jovem estava no mundo bruxo e todos já estavam acostumados com tudo aquilo. Lindsey pensou em um cabelo simples, mas organizado e assim que olhou novamente para o pequeno espelho viu o seu cabelo loiro e com leves ondulações, pensou e repensou nesse novo visual e decidiu deixar assim, apesar de não se acostumar com o cabelo loiro quase ninguém iria reconhecê-la.
Boa tarde Lindsey. A mesma pulou da cadeira pelo susto que havia tomado, olhou pelo espelho uma mulher que deveria ter uns 60 anos e reconheceu a adorável mulher. Boa tarde Madame Puddifoot. Eu gostaria o de sempre fazendo o favor. A jovem se referia ao chá, ela sempre vinha para cá se acalmar ou apenas relaxar. Madame Puddifoot assentiu e caminhou até o balcão, mas antes virou para Lindsey disse com seu tom amoroso: Ótimo cabelo Lindy. Combinou com você. Lindsey sorriu e começou a mexer em seus cachos e realmente se encantou com o cabelo, a garota precisava renovar as vezes, nada de pintar o cabelo realmente, mas essa é a vantagem de ter esse dom, faz o que quer em seu corpo sem ter que realmente mudar algo em si própria.


Lindy ♚ 4º ano ♚ Monitora texuguinha diva ♚ Metamorfomaga

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Adele S. Wiegrafth
Profeta Diário
Profeta Diário
avatar

Mensagens : 85
Sangue : Puro
Idade : 28
Estou em/ Moro em : Paris

Perfil Bruxo
Habilidade: Meio-Veela
Ano Escolar: Concluído
Casa: Indefinido

MensagemAssunto: Re: Casa de Chá Madame Puddifoot   Ter 4 Fev - 12:02:45


That Day... I'm from



Os dias pareciam longos e minhas noites maiores. Minha família era o que eu mais prezava. Era algo que... Por mais que eu amasse, me enchessem o saco ou me incomodassem, sempre seriam minha família. Eu amava minha Laura, minha irmã Melanie e minha sobrinha Lindsey. Eu os amava mais que tudo. Estava em meu apartamento em Paris que divida com minha filha, quando decidi trocar de roupa, olhando para o céu até me ver em meu quarto de roupa trocada, perante a um magnífico espelho de prata e marfim. Assim que me vi trocada, fui para fora do apartamento, onde fui para um beco vazio e aparatei em Hogsmeade. Eu andava pelo pequeno vilarejo de salto alto, um fato que geralmente acabava com meus pés e isso me irritava, até me ver na Casa de chá da madame Pudifoot. Eu entrei com passos calmos, até ver Lindsey e a dona da Casa de Chá conversando tranquilamente. Me aproximei sorrateiramente delas e sorri sarcástica. - Lindsey, onde está sua mãe? Ela não deveria estar com você? Sabe que ficar em lugares assim é perigoso. Hum... Obrigada por cuidar dela, Madame Pudifoot.

A senhora apenas sorriu, dizendo que ela era uma menina adorável e que era fácil de cuidar. Assim que ela sorriu, desfiz meu semblante sarcástico, assumindo um olhar preocupado.  - Lindie! Que coisa foi essa de se afastar de sua mãe garota? Você não é assim! Se algo te acontecesse e não tivesse ninguém? Sua mãe e eu viraríamos feras! Ah, e esse loiro ficou bem legal. - Eu a olhava preocupada, e meus olhos exalavam fúria. Eu estava ao mesmo tempo furiosa e preocupada.


Whit family...
credits @




Adele Stark Wiegrafth
The Angels Can Tell Lies And Humans Is The Worse Liars


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lindsey Wieg. Beavuorr
Lufa-Lufa
Lufa-Lufa


Mensagens : 148
Sangue : Puro
Idade : 19
Estou em/ Moro em : La La Land

Perfil Bruxo
Habilidade: Metamorfomago
Ano Escolar: 4º ano
Casa: Lufa-Lufa
MensagemAssunto: Re: Casa de Chá Madame Puddifoot   Ter 4 Fev - 13:23:00

Lindsey observava os poucos casais no local, completamente apaixonados, não se importando com as pessoas. Segundos depois a Madame estava de volta com o chá e um cookie. Obrigada. E como está a senhora? Lindy peguntou para a Madame que estava completamente sorridente. As duas começaram a conversar sobre diversos assuntos até que a garota assustou-se com uma voz familiar. Ah tia, que susto! Quer me matar do coração?! A tia Adele já começou a falar algumas coisas para a jovem, falando que a menina não deveria ficar em Hogsmeade e que lá era um local perigoso. Tia, relaxa. Eu sempre venho para cá sozinha, eu tomo cuidado tia. A minha mãe e eu brigamos e eu não pretendo me desculpar tão cedo, afinal, ela que fez a besteira dessa vez... E, ah. Obrigada pelo elogio.
A tia sentou-se ao lado da garota e começou a falar um monte de coisas para a garota, deixando-a um pouco cansada com tudo aquilo. Me desculpa tia, mas eu precisava descansar um pouco, precisava de um tempo para mim mesmo.


Lindy ♚ 4º ano ♚ Monitora texuguinha diva ♚ Metamorfomaga

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Adele S. Wiegrafth
Profeta Diário
Profeta Diário
avatar

Mensagens : 85
Sangue : Puro
Idade : 28
Estou em/ Moro em : Paris

Perfil Bruxo
Habilidade: Meio-Veela
Ano Escolar: Concluído
Casa: Indefinido

MensagemAssunto: Re: Casa de Chá Madame Puddifoot   Ter 4 Fev - 13:47:00


That Day... I'm from



Suspirei fundo, olhando para Lindie. Não, não queria matar la do coração, apenas suspirei fundo forçando um sorriso calmo. - Claro que não quero, Lindsey. Mas eu sou sua tia. Se te acontecesse algo, provavelmente sua mãe me matava. E me conte melhor essa história, moçinha. Você e sua mãe brigaram por? - Eu ouvia antentamente Lindsey me contar a história. Okay, não tinha sido um dos melhores motivos de tudo. Eu ouvia a jovem apenas com calma. - Lindsey, se quer saber... Sua mãe pode fazer muitas besteiras, mas uma coisa eu tenho absoluta certeza. Ela te ama, mais que tudo. - Fiz uma pausa para respirar. E voltei a dizer calmamente. - Você vai se entender com sua mãe, pequena. Só é preciso tempo, isso sempre ajuda. Espere. Muitos de meus problemas se resolveram com o tempo. O pai de Laura por exemplo... Ele foi literalmente um caso de uma noite que é difícil de esquecer. Eu me corroo todos os dias pensando nele. Se sinto falta dele? Não. Ele me abandonou grávida, esquecer lo foi... Uma tortura. Mas não o esqueci totalmente. Ele ainda assombra minha mente, querida. Eu ainda estou tentando esquecer lo... E tudo bem minha querida, mas não saia de perto de sua tia. - Lágrimas caíam de meus olhos, enquanto falava do pai de Laura. Era mesmo... Uma dor insuperável. Mesmo Melanie que tinha estado ao meu lado não entendia, o tamanho da dor.


Whit family...
credits @




Adele Stark Wiegrafth
The Angels Can Tell Lies And Humans Is The Worse Liars


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lindsey Wieg. Beavuorr
Lufa-Lufa
Lufa-Lufa


Mensagens : 148
Sangue : Puro
Idade : 19
Estou em/ Moro em : La La Land

Perfil Bruxo
Habilidade: Metamorfomago
Ano Escolar: 4º ano
Casa: Lufa-Lufa
MensagemAssunto: Re: Casa de Chá Madame Puddifoot   Ter 4 Fev - 16:13:16

Lindsey sabia que sua tia iria perguntar sobre o motivo da briga e quando a mesma fez isso, Lindy suspirou fundo e começou a explicar: Sabe tia, mamãe está toda doida com a chegada do ex dela, sabe, ela não consegue entender que ex é EX, não tem volta, é passado, fim? Ela está toda ansiosa para isso, ela não consegue se acalmar, eu sei que ela sofreu com o falecimento do papai, mas porque ela não pode pensar um pouco em mim em relação a isso? Como ela não consegue entender que eu não quero que ela volte com o seu ex, ele fez coisas horríveis com ela e ela está sendo idiota por sair com ele. Nós brigamos por conta disso, mas não quero detalhar tia... Lindsey bebeu um gole do chá, quase queimando a sua língua. Não sei não tia, ela só está com essas loucuras. Eu a amo, mas se ela voltar com aquele idiota eu irei fazer greve!
Assim que a tia terminou o seu falatório, Lindsey levantou-se e a abraçou forte, não gostava de ver seus familiares chorando e quando vê alguém chorando sente vontade de chorar. Se acalme tia, não lembre desse besta, você merece algo melhor. Não fique assim, você não merece derramar nenhuma lágrima por ele e o esqueça para o seu melhor e o melhor da Laura. Lindy secou as lágrimas de sua tia, beijou o rosto de Adele e entregou a xícara de chá para a tia. Te amo tia. Esqueça aquele besta. E toma esse chá enquanto eu peço outro biscoito porque já devorei o primeiro biscoito. Lindsey levantou o braço chamando Madame Puddifoot até a mesa delas.


Lindy ♚ 4º ano ♚ Monitora texuguinha diva ♚ Metamorfomaga

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Adele S. Wiegrafth
Profeta Diário
Profeta Diário
avatar

Mensagens : 85
Sangue : Puro
Idade : 28
Estou em/ Moro em : Paris

Perfil Bruxo
Habilidade: Meio-Veela
Ano Escolar: Concluído
Casa: Indefinido

MensagemAssunto: Re: Casa de Chá Madame Puddifoot   Qua 5 Fev - 12:21:49

I Hope So...



Eu dei um sorriso forçado para Lindsey e a olhei. - Querida, sua mãe... Ela a ama mais que tudo no mundo então, ela vai fazer o que achar melhor mas o ex dela... Por Deus, ele era um exime idiota. Acho que sua mãe ficou bem melhor sem ele. Mas seu pai... Ele poderia ser mesmo... A melhor pessoa que ela poderia ter, mas a morte dele... Foi dura demais para ela. Há uns dias, fiquei sabendo da morte do pai de Laura. Na minha opinião não vou ao enterro dele. Eu me sentiria com remorso. Me culparia mas se acho que isso me fez bem? Ah acho sem sombra de dúvida. Mas seu pai sentiria orgulho Lindie. A princesinha dele conseguiu mais do que ele poderia sonhar ou pedir a Deus.. Lindie, se for fazer essa "greve" vai ficar comigo moçinha! Isso não está aberto a discussão. Entendeu? - Disse a ela com um olhar calmo, mas ao mesmo tempo severo. Eu amava minha sobrinha, e se algo lhe acontecesse não me perdoaria. Eu apenas sorri, observando o local. Via os casais apaixonados, eu sentia falta disso. Me sentia mais solitária que nunca eu sentia falta de um amor, com o qual pudesse contar em momentos de dor, dificuldade e coisas do gênero e tal dor me corroía. Me deprimia um pouco saber que eu tinha várias chances em mil de morrer sozinha. Isso me perseguia, meu único alívio de solidão sempre seria minha filha, minha sobrinha e minha irmã, mais o maior de todos era sem dúvida Laura. - Querida... Eu sei que não posso ficar pensando nele, e ainda mais chorar, mas tentar esquecer lo... Parece uma luta bem difícil então... Sabe que tenho problemas nisso, e não obrigada, não quero... Vim aqui mais para saber de você, Lindie. Como está em Hogwarts? Nunca me escreve. Acho isso um ultraje. Sua tia te ama mais do que a mãe. - Disse curiosa.

Spoiler:
 



I Hope She Smell My Perfume

 
 
 
clumsy @ sa!




Adele Stark Wiegrafth
The Angels Can Tell Lies And Humans Is The Worse Liars


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lindsey Wieg. Beavuorr
Lufa-Lufa
Lufa-Lufa


Mensagens : 148
Sangue : Puro
Idade : 19
Estou em/ Moro em : La La Land

Perfil Bruxo
Habilidade: Metamorfomago
Ano Escolar: 4º ano
Casa: Lufa-Lufa
MensagemAssunto: Re: Casa de Chá Madame Puddifoot   Qua 5 Fev - 15:21:28

Adele parou de chorar e Lindsey foi se acalmando depois de alguns minutos, Lindie comeu um pedaço do cookie e parou de beber o chá por que sua tia perguntou sobre Hogwarts. Bom tia, está legal. Como você sabe, estou no quarto ano e as coisas estão bem mais difíceis do que anteriormente. Sinto saudades de toda aquela empolgação do primeiro ano... Mas ainda sou a monitora dos texuguinhos lindos e estou melhorando nos feitiços... Lindie fala mais algumas coisas enquanto terminava o seu cookie. Adele assustou-se com o horário, falando que precisava ir trabalhar, mas antes disse um sermão. Lindie ficou mais alguns minutos no local pensando em tudo o que a tia havia dito e por fim decidiu ir embora para sua casa resolver essa briga com sua mãe.
*Saio do local*

Observações:
 


Lindy ♚ 4º ano ♚ Monitora texuguinha diva ♚ Metamorfomaga

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Adele S. Wiegrafth
Profeta Diário
Profeta Diário
avatar

Mensagens : 85
Sangue : Puro
Idade : 28
Estou em/ Moro em : Paris

Perfil Bruxo
Habilidade: Meio-Veela
Ano Escolar: Concluído
Casa: Indefinido

MensagemAssunto: Re: Casa de Chá Madame Puddifoot   Qui 6 Fev - 11:00:09

I Hope So...



Eu sorria para Lindsey com um ar sereno e tranquilo enquanto apenas a olhava. Ela parecia falar da escola com uma esplêndida serenidade, ela parecia feliz, eu sorri. – Ah minha querida! Que bom que está sendo feliz! Eu fazia questão que fosse para Beauxbatons, mas sua mãe me vetou te mandando para aquela escolinha sem futuro que chamam de Hogwarts. Lindie eu não acredito que tenha futuro lá, por mais que tenha seus amigos e seus méritos. Eu apenas quero o melhor para você, querida. – Dei um sorriso para Lindsey e vi o horário. Por Deus! Eu ia me atrasar! Beijei a testa de Lindsey e sai correndo do local, indo para o trabalho, o mais rápido que poderia.

Spoiler:
 



I Hope She Smell My Perfume

 
 
 
clumsy @ sa!

[/quote]



Adele Stark Wiegrafth
The Angels Can Tell Lies And Humans Is The Worse Liars


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Blye Latsch Gërhardt
Funcionários de Hogwarts
Funcionários de Hogwarts
avatar

Mensagens : 23
Sangue : Puro
Estou em/ Moro em : Londres

Perfil Bruxo
Habilidade: Não possui
Ano Escolar: Concluído
Casa: Corvinal
MensagemAssunto: Re: Casa de Chá Madame Puddifoot   Ter 11 Fev - 17:56:50


❝ I'm back to reality ❞

Era cedo, cedo até demais para quem ainda estava de férias. Graças a Merlin nessas férias consegui sair de Londres por um tempo, a julgar pelo fato de que ainda falta um tempo até as aulas se iniciarem, não praticava seus dons há tempos. Mas como tudo que é bom dura pouco lá estava eu, aterrissando no aeroporto de Londres carregando minha bagagem de mão e outra de rodas ao chão. Meus saltos agulha faziam leves barulhos pelo saguão de desembarque, coloquei os óculos escuros ajeitando os cabelos loiros que estavam ondulados no dia de hoje. Poderia passar pela Starbucks a caminho do hotel, sim eu ficaria em um hotel, não tinha residência fixa em Londres, nem tampouco queria uma. Minha vida estava em Munich e de lá não sairia, ficar em hogwarts era a melhor escolha para não gastar todo meu dinheiro em um hotel cinco estrelas.

O clima em Londres estava instável, uma hora fazia calor e na outra um frio congelante. Eu particurlamente preferia o frio, pessoas se vestiam melhor, a pele ficava mais bonita, tudo era melhor. Poderia passar em Hogsmeade agora, quem sabe lá não encontraria algum colega de trabalho e sem dúvida deveria passar em St. Mungus antes do ano letivo começar, precisava de algumas papeladas que somente lá conseguiria. Caminhei até o banheiro mais próximo, coloquei o sobretudo preto por cima do vestido, olhei ao meu redor para ter certeza de que estaria sozinha e então desaparatei.  Casa de Chá Madame Puddifoot, foi onde aparatei em Hogsmeade, ajeitei a roupa devido ao movimento, balancei os cabelos e então entrei no local. A dona, uma velha conhecida, estava no outro lado da bancada, sorri ao me aproximar. — Bom dia Madame Puddifoot. Como vai?  — A mulher se deteve a sorrir, então prossegui. — Poderia me servir o de sempre?  — Me referi ao chá em que na maioria dos dias quando conseguia tempo para sair de Hogwarts tomava. Sentei em uma das cadeiras da mesinha mais próxima, logo me foi servido.

Beberiquei o líquido quente e aquilo confortou todo meu ser do frio que sentia. De repente ouvi um barulho de algo se quebrando do outro lado do corredor e a mulher soltou um gemido de dor, levantei deixando minhas bolsas na mesa em que estava. Me aproximei do balcão meneando a cabeça. — Está tudo bem aí Madame Puddifoot?  — A mulher virou sua mão que estava com um corte na palma, o sangue já começava a se destacar e se aquilo não fosse tratado infeccionaria, no chão uma jarra de vidro estava em pedaços.— Minha mão... Ai, isso dói. — Dei a volta no balcão, e segurei a mão da mulher analisando o ferimento. — Posso amenizar para a senhora, mas depois terá que ir ao hospital.  — A senhora assentiu e então sorri tentando passar conforto para ela. Saquei a varinha do bolso do sobretudo e mirei sua ponta na direção da palma da mão da mulher. — Estanque Sangria.  — Movimentei a varinha em círculos e logo o ferimento parou de sangrar, virei o corpo para pegar um pano para limpar ao redor da mão dela que tinha sangue. — Asclépio.  — Pronunciei em tom firme e o corte aos poucos começou a se cicatrizar. Sorri para a mulher que logo me agradeceu com um abraço forte. — Apenas cicatrizei o corte, caso comece a doer vá ao hospital para tratarem melhor. — Dei meia volta e me sentei novamente no meu lugar, tomando o resto do chá para depois me levantar para ir pagar. Madame Puddifoot não aceitou, dizendo ser em agradecimento ao que fiz por ela. Peguei minhas malas e fechei o sobretudo, logo saí do local indo em direção a um hotel.



brianna {blye} latsch gërhardt
You'd be fine if you'd only cut loose, footloose. Kick off your sunday shoes, marie shake it shake it for me. Oh milo, come on, come on let's go. Lose your blues everybody cut footloose------
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Casa de Chá Madame Puddifoot   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Casa de Chá Madame Puddifoot
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Ateh quim fim coloquei Net Na minha casa!!!!
» A casa do terror
» [Casa] Eight
» [Casa] Mansão do Mizukage
» [Suna] Casa dos Griffin's

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Expresso Hogwarts :: » MUNDO BRUXO :: Hogsmeade-
Ir para: